Copa Sul-Americana: diante do Melgar, Inter segue no caminho para Córdoba

Depois da epopeia diante do Colo-Colo, o Inter volta à Copa Sul-Americana, desta vez, em Arequipa-PER, para o início do mata-mata das quartas de final do torneio, diante do Melgar. O vencer possivelmente pegará o Independiente del Valle (EQU), na semifinal. A Maratona +Q45 do Vozes do Gigante se inicia às 17h45min, direto do Masah Sports Bar, em Canoas.

Mano Menezes conta com os retornos de Alan Patrick e de Taison para a decisão. Porém, há a possibilidade de nenhum dos dois iniciar a partia, com a manutenção de Maurício na equipe. Maurício foi o grande nome colorado na goleada sobre o Atlético-MG.

Se espera um Estádio Monumental da Universidad Nacional de San Agustín com pelo menos 40 mil torcedores. Atual campeão do Apertura, o Melgar jogou apenas quatro vezes depois de eliminar o Deportivo Cali, somando três vitórias e uma derrota, todos os jogos por placar de 1 a 0. Ocupa a sexta colocação no Clausura.

Nesses dois jogos, o Melgar foi dirigido pelo seu novo treinador, o argentino Pablo Lavallén, que vem promovendo pequenas mudanças na equipe. Sobretudo no setor ofensivo, onde vem testando o argentino Cristian Bordacahar no lugar de Kevin Quevedo. A estrutura se mantém a mesma dos tempos de Néstor Lorenzo, que assumiu a seleção da Colômbia.

O Inter terá pela frente um time que pressiona muito a saída de bola adversária, e que gosta de avançar pelas extremas, com Quevedo pela direita, e Iberico, pela esquerda, além de um atacante (o argentino Bernardo Cuesta, também capitão da equipe) que lembra muito a movimentação de Lucero, do Colo-Colo, que incomodou demais a defesa colorada. Olho em Iberico, é bom driblador e chuta bem de fora da área. Os jogadores de ataque são todos baixos.

FICHA DO JOGO

Melgar x Inter

Horário: 19h15min

Estádio Monumental da Universidad Nacional de San Agustín, em Arequipa-PER

A Maratona +Q45 do Vozes do Gigante se inicia às 17h45min

Melgar: Carlos Cáceda; Ramos, Galeano (Orzan), Deneumostier e Paolo Reyna; Archimbaud, Alexis Arias e Pérez Guedes; Bordacahar (Kevin Quevedo), Bernardo Cuesta e Ibérico. Técnico: Pablo Lavallén

Inter: Daniel; Bustos, Vitão, Mercado e Renê; Gabriel, De Pena, Edenilson, Mauricio (Alan Patrick) e Wanderson; Alemão. Técnico: Mano Menezes

Arbitragem: Andrés Matonte, auxiliado por Nicolas Tarán e Martin Soppi. VAR: Leodán González (quarteto uruguaio)

Aqui, tu confere a Maratona do Vozes:

Foto: Ricardo Duarte/Inter

Compartilhe:

Comentários